1 votos
1 visitas/día
4767 dias online

Saudade, de novo - Poemas de Walnei Arenque



Poemas » walnei arenque » saudade de novo




Saudade, de novo
Poema publicado el 07 de Octubre de 2009

Saudades, de novo  – por walnei arenque
Sensação do passado no presente. Presente que vive no passado ....
Saudades...
Vivemos tantas vezes dela, o que poderia ser do humano sem a saudade? Será que suportaríamos viver o real, o presente, sem o tal imaginário, sem a tal SAUDADE.
Muitos a usam para continuar a viver ... Precisa dela para dar continuidade a vida, um mar de falta ...
Outros não usam, ela existe por existir ... Por quê ??? não sei .... Você sabe??? Quem sabe???
Parece que não se controla a saudade ela existe, sentimos ...
Nossos castelos muitas vezes, questão de sobrevivência ....
Embora muitas  existam saudades de um tremendo sofrimento, uma fera que te corroe ... Uma força que vem faz você sofrer, não te perdoa, nem no passado nem no presente nem no futuro.
Alias temporalidade na saudade é atemporal.
Cada um tem uma saudade na vida ... Quem não tem? Viver do/no passado?
Não, o passado é que vive na minha saudade que esta no meu presente com passagem livre para o futuro....  sem questionamento. Por walnei arenque


¿Pudiera decirnos en que categoría ubicaría este poema?

Amor
Amistad
Familia
Poemas de Cumpleaños
Poemas de San Valentín o
      Día de los Enamorados
Poemas del Día de la Mujer
Poemas del Día de las Madres
Poemas del Día de los Padres
Poemas de Navidad
Poemas de Halloween
Infantiles
Perdón
Religiosos
Tristeza y Dolor
Desamor
Otra Categoría
¿ Te gustó este poema? Compártelo:
Compartiendo el poema con tus amigos en facebook ayudas a la difusión de estas bellas creaciones poéticas y ayudas a dar a conocer a los poetas.




 Compartir
Redes sociales
Facebook Twitter Google Bookmark MySpace Fresqui Meneame